Laura Cardoso celebra seus 90 anos bem vividos

495
Foto: Ricardo Matsukawa

Laura Cardoso completa 90 anos. Essa filha de imigrantes portugueses nasceu em 13 de setembro de 1927, e se tornou uma das maiores atrizes brasileiras.

Laurinda de Jesus Cardoso nasceu em Bela Vista, tradicional bairro de São Paulo. Vinda de uma família extremamente tradicional e conservadora, teve dificuldades para se impor e seguir seus sonhos. No Brasil das décadas passadas, era inconcebível que uma moça quisesse se tornar atriz. Ela era logo vista de uma maneira enviesada. Mesmo assim a garota seguiu em frente e se inscreveu para um teste na Rádio Cosmos. Tinha apenas 15 anos e se transformava em Laura Cardoso. Era o início de uma carreira de sucesso.

“Eu só pensava no preconceito arraigado dos anos 1940 em torno dos artistas e em como as mocinhas que faziam tal opção eram malvistas.” (In Laura Cardoso: Contadora de histórias, 2000)

A jovem Laura em 1957

Laura casou-se em 1949 com o ator e roteirista Fernando Balleroni após um breve namoro. Os dois tiveram as filhas Fernanda e Fátima. Sua filha Fátima chegou a substituí-la durante as filmagens de flasback da novela Ídolo de Pano. Fernando faleceu em 1980, aos 58 anos. Laura não voltou a se casar, resolvendo se dedicar às filhas e à carreira.

Laura em seu casamento em 1949. Acervo de família
Laura em seu casamento em 1949. Acervo de família
Suas filhas Fatima e Fernanda. Acervo da Família
Laura com as netinhas. Revista Amiga

Em 1944 ela integrou o elenco da radionovela A Toutinegra do Moinho e fez outras participações especiais. Essas experiências no rádio foram de vital importância para que ela aprendesse a impostar sua voz e buscasse as melhores nuances de interpretação. A chegada à televisão veio com a inauguração da TV Tupi em 1950. Foi uma nova fase de adaptação, pois a linguagem televisiva exigia outra postura dos profissionais, atuando de uma forma diferenciada daquela usada nos palcos ou rádio. As apresentações ao vivo deviam ser uma loucura, mas pouco tempo depois Laura e os brasileiros já acostumaram-se à nova realidade.

Laura Cardoso e Rildo Gonçalves em Tribunal do Coração, primeira novela que ela fez em 1953

A carreira de Laura nos cinemas começou em 1964 com o filme Imitando o Sol, de Geraldo Vietri. Ela estranhou a experiência de início, mas com paciência e humildade aprendeu um pouco mais a cada dia. Segundo a atriz, sua participação em Terra Estrangeira (1995) é sua preferida.

Laura ela atuou em todos os meios. Fosse na rádio, cinema, teatro ou televisão, a atriz dedicava-se com a mesma paixão que a transformaria em uma das mais queridas atrizes brasileiras. Em mais de 70 anos dedicados à sua profissão, participou de mais de trinta filmes , oitenta novelas e incontáveis peças de teatro. Engana-se porém quem acha que ela deixou de lado a autocrítica. Laura acredita que pode sempre melhorar e aprender mais. Isso é uma lição em tanto para tantos jovens que começam agora, não é? Vida longa à nossa querida rainha das telas.

“Um ator deve estar atento a seu tempo. Há uma evolução na representação; é preciso acompanhar essa caminhada.” Laura Cardoso

Comente Aqui!