Melhores Filmes da Década de 20

353

Na década de 20 o cinema sofreu grandes transformações. Ainda uma arte em desenvolvimento, viu surgir nessa década os filmes falados. Começavam a se internacionalizar grandes ídolos, como Greta Garbo, Rodolfo Valentino, Bebe Daniels. Os comediantes experimentavam sua fase mais profícua como Charles Chaplin e Buster Keaton. Surgiu o Mickey Mouse, com a animação Steamboat Willie. Em alguns cinemas bandas tocavam ao passo que em outros havia um pianista durante a projeção do filme. O expressionismo alemão vive uma fase muito rica, com filmes como O Gabinete do Doutor Caligari e Nosferatu. Vamos à lista de melhores filmes desse período:

A Caixa de Pandora (1929), de Pabst

A General (1927), de Buster Keaton

A Morte Cansada (1921), de Fritz Lang

A Paixão de Joana D’arc (1928), de Carl Theodor Dreyer

Entr’acte (1924), de René Clair

Em Busca do Ouro (1925), de Charles Chaplin

Asas (1927), de William A. Wellman

A Roda (1923), de Abel Gance

Fausto (1926), de F.W. Murnau

Inocente Pecadora (1920), de D.W. Griffith

Metropolis (1926), de Fritz Lang

Napoleão (1927), de Abel Gance

O Gabinete do Dr. Caligari (1920), de Robert Wiene

O Fantasma da Ópera (1925), de Rupert Julian

O Encouraçado Potekim (1925), de Serguei Eisenstein

O Cantor de Jazz (1927), de Gordon Hollingshead e Alan Crosland

O Garoto (1921), de Charles Chaplin

O Grande Desfile (1925), de King Vidor

O Homem Que Ri (1927), de Paul Leni

O Monstro do Circo (1927), de Tod Browning

Vento e Areia (1928), de Victor Sjöström

Um Homem com uma Câmera (1929), de de Dziga Vertov

Um Cão Andaluz (1929), de Luis Bruñuel

Sétimo Céu (1927), de Frank Borzage

A Última Gargalhada (1924), de Friedrich William Murnau

Aurora (1927), de F.W. Murnau

Nosferatu (1922), de Friedrich William Murnau

Outubro (1928), de Sergei M. Eisenstein

The Sheik (1921), de George Melford

Paris Adormecida (1923), de René Clair

Ouro e Maldição (1924) de Erich von Stroheim

Comente Aqui!