Casablanca analisado em Livro de Renzo Mora

117

A editora Estronho tem sido uma das boas surpresas que eu tive esse ano em matéria editorial. Tenho aqui em mãos um exemplar do livro CASABLANCA: A CRIAÇÃO DE UMA OBRA-PRIMA INVOLUNTÁRIA DO CINEMA, escrito por Renzo Mora. Para quem é ligado como eu na parte estética do material, o que primeiro chama a atenção é a arte gráfica, aqui no caso desenvolvida pelo Marcelo Amado. E tudo é feito com tanto carinho, desde a diagramação até as imagens escolhidas que ficamos realmente impressionados em se tratando de uma editora que é relativamente nova. Vida longa! Agora vamos ao que interessa, o material!

Já tinha assistido Casablanca algumas vezes em casa, mas foi apenas durante uma sessão no cinema que pude absorver de fato esse grande filme dirigido pelo genioso Michael Curtiz. Foi ali que entrei para o time dos admiradores desta obra, muitas vezes considerada o melhor filme de todos os tempos. Se você não o assistiu, veja agora e depois leia o livro escrito por Mora, que faz uma análise desde os bastidores, passando por curiosidades sobre os personagens, os atores que o protagonizaram e a resposta da crítica especializada no assunto. O livro também toca no assunto preferido dos fãs do clássico: a pretensa homossexualidade do personagem interpretado por Claudio Rains (nosso queridinho).


Casablanca faz parte da Coleção Cinema Estronho que, com esse título, chega ao seu sexto volume. A linguagem utilizada passa longe (graças a Deus) do teor acadêmico, e é antes uma conversa sobre o filme que ninguém dava nada e se transformou em um dos melhores clássicos do cinema americano. Agora só um conselho: veja antes o filme, pois são muitas as curiosidades trazidas e que eu não vou falar aqui para não estragar a surpresa.

Livro: CASABLANCA: A CRIAÇÃO DE UMA OBRA-PRIMA INVOLUNTÁRIA DO CINEMA
Autor: RENZO MORA
Editora: Estronho

Clique aqui para Adquirir

Comente Aqui!

COMPARTILHAR
Artigo anteriorCorações e Mentes (1974)
Próximo artigoO Escândalo que acabou com a Carreira de Edna Purviance
Formada em Letras, Design e Especialista em Estudos cinematográficos. É sobretudo uma curiosa sobre o cinema. Fundadora do site Cinemaclássico, estuda cinema desde 2002. Ama Charles Chaplin, Raj Kapoor e navega constantemente em filmes de todo o mundo.