Conhecendo Marlon Brando através de Livros e Documentário

2463

Marlon Brando sempre foi um homem de extremos, um figura imensamente carismática, bela, porém problemática e nem sempre uma pessoa agradável em sua vida particular. De fato na biografia sensacionalista escrita por François Forestier (Marlon Brando – A Face Sombria da Beleza) ele é descrito como um monstro sagrado nas telas e por trás delas um homem que apesar de sua beleza plástica trazia a desgraça para todos que surgissem em seu caminho.  Segundo Forestier, não só um resultado de seu meio, mas aquele que mexia na realidade de todos, lançando sombras por onde passasse: seus filhos foram infelizes, se tornando assassinos ou se suicidando, e suas esposas também se tornaram vítimas de um homem sem sentimentos. Brando teria terminado seus dias sozinho e obeso, e que ao partir não deixou saudades em ninguém. Terminamos a biografia com uma imagem realmente sombria do astro, e nos imaginando se de fato existiria uma pessoa tão sem sentimentos como o ator é descrito no livro.

Sorte que temos outros relatos biográficos, e um deles foi escrito pelo próprio Marlon em “Brando: Canções Que Minha Mãe Me Ensinou“. Nele o ator relembra passagens de sua vida, desde a infância, com sua relação difícil com os pais, ela uma alcoólatra que ele idolatrava e ele um homem ausente, cujo desprezo lhe fez jurar que não seria um pai igual. Foi pior. Neste livro ele fala livremente sobre James Dean, que ele considerava um rapaz de interior assim como ele mas bastante problemático e com altos níveis de carência, que o faziam ligar quase diariamente para Brando. O ator também fala sobre a sua relação com o trabalho, que ele passou a considerar enfadonho e que só servia para manter uma vida confortável. No livro ele detalha sobre sua paixão pelos animais (alguém que ama tantos bichos não pode ser tão ruim como descreveu Forestier), mas opta por não entrar em detalhes sobre a vida amorosa e familiar. Esse é, talvez, o ponto mais crítico do livro, que deixa margens de dúvida com relação aos filhos e esposas.

Em 2015 tivemos o lançamento mundial de um documentário que prometia finalmente abrir as portas para desvendar um pouco mais da vida desse grande astro considerado por muitos o maior ator de todos os tempos. Listen to Me Marlon, o documentário, surge em um tom bastante confidencial com relatos entrecortados por imagens de época e cenas de filmes. A participação do Brando é presente através de seus relatos feitos em fitas cassetes. O ator tencionava ele mesmo realizar  um documentário acerta de sua existência. Seus pensamentos mais íntimos são revelados e vemos um homem que além do descrito pelo François Forestier também tinha muitos dos seus momentos trágicos e relutantes, não sendo apenas uma máquina de infelicidade alheia. O ator que se negava a falar com a imprensa, sobretudo em seus últimos dias, parece se abrir de maneira confidencial para o seu público. Teria sido mais uma interpretação do ator que surpreendeu um dia a Academia ao negar um prêmio? Não sabemos. Mas não deixa de ser fascinante o seu relato íntimo acerca de algo que somente ele próprio conhecia: sua vida.

Os relatos surgem da boca de um Brando digitalizado, uma figura moldada por outra encomendada pelo Brando na década de 80. E é essa figura que vai nos apresentando relatos cronológicos desde sua chegada à Nova York aos últimos dias. Conta sobre sua grande paixão, a ilha no Taiti, onde morou por mais de 30 anos, saindo apenas quando o dinheiro escasseava e ele precisava trabalhar e sobre seus filhos.

Listen to Me Marlon recebeu três prêmios e foi cogitado para disputar o Oscar de Melhor Documentário, ficando de fora da lista no último momento. Com estréia mundial em janeiro de 2015, não teve ampla distribuição no Brasil, para tristeza dos fãs, mas recentemente foi lançado em dvd pela Universal, abrindo uma nova forma de enxergar o astro que um dia abrilhantou as telas em filmes como Uma Rua Chamada Pecado, O Poderoso Chefão e Sindicato dos Ladrões.

Onde encontrar:
DVD Listen to Me Marlon: Livraria Cultura e Livraria Saraiva

Livro Marlon Brando – A Face Sombria da Beleza: Livraria Cultura e Livraria Saraiva

Livro Brando: Canções Que Minha Mãe Me Ensinou: Estante Virtual

Comente Aqui!