Que tal revisitar a série Perdidos no Espaço?

272

A série Perdidos no Espaço esteve no ar entre 1965 e 1968. Criada por Irwin Allen e Shimon Wincelberg, mostrava as aventuras da família Robinson, que após sair da Terra em busca de um novo planeta, sofre um acidente e ficam perdidos no espaço. Ambientada em 1997, a série foi uma das mais caras produzidas na época. Mas o alto investimento compensou,se tornando um enorme sucesso junto ao público. Com isso, Allen se tornaria um dos mais bem sucedidos produtores da década. Ele também foi responsável por outras séries como Viagem ao Fundo do Mar e a conhecida O Túnel do Tempo. Das temporadas produzidas, apenas a primeira foi em preto e branco.

A estréia no Brasil veio em 1966 na antiga TV Record, se tornando um campeão de audiência. Nos anos 70 passou a ser transmitida pela Rede Globo e suas filiadas. De lá para cá um enorme grupo que cresceu ouvindo seus bordões que passou por diversos canais e horários, e hoje está disponível em alguns canais online como este.

Devido seu grande alcance, a série deu origem a álbum de figurinhas, quadrinhos, livros, desenhos animados, um filme lançado em 1998, e agora um livro sobre a série, escrito por Saulo Adami e Carlos Gomes. A edição, lançada pela Editora Estronho, é uma viagem de grandes fãs e trazem uma paixão que os move desde a infância. Nele é possível saber um pouco mais dos bastidores que levaram à criação da série (como a luta pelos direitos autorais entre Irwin Allen e Ib Melchior, que reclamava que a história continha vários elementos em comum com sua história criada para os Estúdios Disney).

O livro também traz um resumo de todos os episódios, incluindo a data de exibição inicial e fotos selecionadas. Um capítulo interessante é aquele em que os autores reúnem depoimentos de vários fãs da série, que relatam sua história de amor e paixão. Alguns ainda pequenos, como Elias de Lucena, que assistiu à primeira exibição no Brasil em 1966 ou Fernando Antonio de Castello Branco, que em 1996, criou na raça o primeiro site voltado a esse público. Intitulada “Lost in Space Brasil”, foi o primeiro em língua portuguesa e chegou a ser premiado em diversos países, ajudando a unir mais e mais amigos. A edição também não esquece de homenagear os dubladores e tradutores que deram vozes aos personagens, trazendo também um capítulo especial sobre os colecionáveis.

Enfim, um livro de fãs para fãs e que vale a pena ser conferido. A edição faz parte da coleção TV Estronho e você pode adquiri-lo diretamente na Editora Estronho, através do link abaixo:

 

 As próximas edições da Coleção TV Estronho trarão as séries Kung Fu e O Incrível Hulk. Fique ligado aqui que daremos maiores informações.

 Confira abaixo algumas imagens da edição:

Resumo de todos os episódios, com fotos
Relatos dos fãs
Poster que acompanha o livro comprado no site da Estronho

Comente Aqui!