Os Monstros ou A Família Addams?

16187

Apesar de Os Monstros e A Família Addams trabalharem com aspectos do humor negro-bizarro-fantástico-absurdo, são duas famílias que têm características distintas. Qual é a minha preferida? Eu não sei. Gosto de ambas. Eu me divirto com ambas as séries, dou muita gargalhada mesmo. Entretanto, devo confessar que talvez eu tenha uma queda um pouco maior pelo humor da família ‘’Monstros’’. Mas no final, acabo sempre considerando as duas igualmente muito engraçadas e importantes. E vc que já conhece também as duas séries, qual a sua preferida?

’Os Monstros’’, teoricamente, nasceram antes da Famíla Addams mas problemas técnicos e capitalistas fizeram com que fossem lançados 6 dias após o primeiro episódio dos Addams (!!), em 24 de setembro de 1964. Na verdade o episódio piloto (em cores!!) foi filmado em 1963 no mesmo cenário de ‘’Psicose’’ do Hitchcock (!!!). Todavia, esse mesmo episódio seria refilmado em 1964 com o elenco oficial.O último episódio foi no dia 12 de maio de 1966. Foram 70 episódios ao total, 6 a mais do que os vizinhos concorrentes, os Addams, e ficou mais tempo no ar também.Os Monstros foram distribuídos pela CBS/MCA (entenda hoje como Universal Estúdios).

Os Monstros

Os Monstros eram uma família completamente diferente dos Addams. Para começar eram monstros, e não pessoas, mas paradoxalmente representavam a típica família de classe média americana. Não eram ricos, tinham de trabalhar, eram extremamente honestos, humildes, ingênuos (mas não estúpidos…rs), simpáticos (obviamente que as pessoas não aceitavam essa ‘’simpatia’’ devido a aparência deles…rs), e totalmente abertos a opiniões do mundo externo e sempre tentavam uma interação social com outras pessoas e famílias. Definitivamente eles não eram radicais em relação ao ‘novo’ e as ‘diferenças’, porém o radicalismo partia da sociedade que não aceitava as colaborações da família Monstro devido a sua aparência física. Os membros da família eram 5: Herman, o ingênuo, bondoso e extremamente engraçado patriarca (de fato, ele é a figura do monstro de Frankenstein); sua prendada esposa Lili (uma vampira); o seu pirado e engraçado sogro (pai de Lili, na verdade o conde Drácula); Eddie, o filho do casal (um menino lobisomen…rs); e Marilyn, a sobrinha ‘anormal’ para o padrão da família Monstro (de fato, normal para os nossos padrões…rs). Herman trabalhava duro numa funerária para sustentar a família (rs), Lili era uma excelente dona de casa, muito habilidosa, e Vovô (o pai de Lili) tinha um laboratório de invenções radicais no porão da casa.
Algumas outras diferenças entre os Monstros e os Addams é que a residência dos Monstros realmente era assustadora no aspecto externo, além de sombria e bastante envelhecida. O carro dos Monstros também era sem dúvida mais interessante do que o dos Addams; era bem mais incrementado, original, maluco, grande e chamativo (na verdade os criadores do carro dos Monstros foram os mesmos que criaram os carros dos Monkees e do Batman!!).

O elenco era fantástico:
– Fred Gwynne como Herman Munster (1926-1993) [um dos maiores comediantes do cinema, infelizmente faleceu aos 66 anos de câncer no pâncreas];
– Yvonne De Carlo como Lily Munster (1922-2007) [infelizmente faleceu aos 84 anos…e o que consta agora é que realmente foi abandonada (!!) pelo filho numa casa de repouso de artistas…isso foi ‘escondido’ da imprensa durante algum tempo mas agora a verdade está sendo revelada por algumas pessoas próximas de Carlo, em alguns sites.
– Al Lewis como o Vovô (1910 ou 1923-2006) [infelizmente faleceu com 82 ou com 95 anos, isso é discutido ‘a tapas’ até hoje pelos fans e familiares. As causas do falecimento eu desconheço, mas ele teve de amputar a perna direita em 2003 por causa de diabetes];
– Butch Patrick como Eddie;
– Beverly Owen como Marilyn [nos episódios 1 a13];
– Pat Priest como Marilyn [nos episódios 14 a 70] .

A Família Addams 

A série “A Família Addams”, baseada num desenho de 1932, teve sua estréia no dia 18 de setembro de 1964 (6 dias antes da estréia da família Monstro) e o último episódio foi no dia 8 de abril de 1966. Foram 64 episódios ao total, 6 a menos do que os vizinhos concorrentes, os Monstros.Os Addams foram distribuídos pela ABC/FILMWAYS (entenda hoje como a poderosa MGM & 20th CENTURY FOX, que são um monopólio só atualmente).
As diferenças entre os Addams e a família Monstro são bem nítidas e distintas.Para começar, os Addams não são monstros, são pessoas. Entretanto, são pessoas completamente excêntricas e de apreciação estética totalmente bizarra. São extremamente ricos, refinados, têm uma cultura elitista, e representam a classe burguesa americana. Têm um gosto artístico refinado em relação aquilo que consideram como arte, e o humor é totalmente irônico e cínico. Entretanto, não são abertos as opiniões do mundo externo, pelo contrário, são bem radicais nesses aspectos. No caso dos Addams, é o mundo que tem de se adaptar a eles porque apenas eles estão corretos e dentro da ‘’normalidade’’.
Os membros da família são 7: Gomez, o ‘’risonho’’ patriarca da família; Morticia, sua esposa; Pugsley e Wednesday, filho e filha do casal respectivamente; o pirado, engraçado e ‘’elétrico’’ Tio Fester; a louca vovó Addams; e o inesquecível e ‘’comunicativo’’ mordomo Lurch. É preciso ficar claro que os Addams são tão burgueses que não precisam trabalhar; Gomez diverte-se explodindo trens de brinquedo no seu cotidiano (rs), e Morticia, sua esposa, é uma burguesinha que passa boa parte do tempo alimentando suas plantas carnívoras de estimação…

Carolyn Jones na Família Addams

Algumas outras diferenças entre os Addams e os Monstros é que a residência dos Addams não é propriamente assustadora pela perspectiva externa. Trata-se mais de uma casa enorme de aspecto gótico. O carro dos Addams não chama tanto atenção, exceto pela quantidade de fumaça que exala ao ser ligado. Uma coisa interessante é que se a matriarca interpretada pela Yvonne De Carlo em os Monstros não transmite tanta sensualidade ao público, o mesmo não se pode dizer da personagem Morticia, interpretada pela estonteante Carolyn Jones na família Addams. Jones, com seu vestido preto, totalmente justo, e seu corpo ultra violão (rs), era extremamente sensual para muitos expectadores e muitos adolescentes começaram a sua vida sexual ‘’imaginária’’ tendo de modelo a curvilínea Mortícia….rss…provavelmente muitos pais também compactuavam e concordavam com seus filhos nesses termos…

Por estas perspectivas, os Addams exalam uma sexualidade que na família Monstro não ocorre. Se Herman e Lili Monstro é apenas um casal que se ama, mas comportadamente (Herman beija Lili nos episódios, é claro, mas tudo de um modo moderado…em outras palavras, da maneira que um casal tradicional dos anos 50 faria), Gomez e Morticia, por outro lado, são bem sexualizados e ‘explicítos’ no tocante ao apetite sexual. Gomez não pode ver Morticia que começa a beijar suas mãos, sobe pelo braço, passa pelo rosto, desce para o pescoço e a coisa só para por aí porque é uma série destinada a ‘família’, é óbvio…rs…e também porque Mortícia deixa claro que ‘mais tarde tudo bem, agora não porque eles tem de fazer alguma outra coisa’….Outra situação que excita muito sexualmente Gomez é quando Mortícia fala qualquer palavra em francês (pode ser apenas um sílaba…rs)….Na verdade, Gomez deixa claro para o público, através de suas atitudes, que se dependesse apenas dele, ele faria sexo a todo instante com Morticia….

Assim como em Os Monstros, o elenco dos Addams, era incrível:
– John Astin como Gomez Addams (1930-) [não ocorreu um momento na série em que ele parou de expressar a sua risada característica; é um ator realmente muito engraçado]
– Carolyn Jones como Morticia Addams (1929-1983) [infelizmente essa talentosa e sensual atriz faleceu muito nova, aos 54 anos de idade, de câncer no útero…trabalhou no melhor filme de Elvis, ‘King Creole’, e também num filme dirigido por Frank Capra, ‘A Hole In The Head’!];
– Jackie Coogan como Tio Fester (1914-1984) [sim, Coogan foi o menino no filme “O Garoto”, dirigido e interpretado por Chaplin, em 1921. Infelizmente, faleceu aos 70 anos após um ataque do coração. Em ‘’A Família Addams’’ ele arrasa em seu papel ‘elétrico’de Tio Fester…é impossível não rir dele, sua cara já é completamente hilária; é o meu personagem favorito da série]
– Ted Cassidy como o mordomo Lurch (1932-1979) [ele participou também de uma famosa série chamada “The New Adventures Of Huckleberry Finn”, em 1968…um misto de filme e desenho produzido por Hanna & Barbera. Infelizmente, faleceu com apenas 46 anos, após problemas cardíacos e uma cirurgia do coração]
– Blossom Rock como a Vovó Addams;
– Lisa Loring como Wednesday Addams;
– Ken Weatherwax como Pugsley Addams;
– Felix Silla como Primo Coisa [um personagem estranho, com um vocabulário incompreensível, anão e totalmente cabeludo, da cabeça aos pés. Mas sua participação não era constante] .

texto por SóClássicos

Comente Aqui!