Traje Usado por Alla Nazimova é encontrado em um sótão

655

O estudante americano Jack Raines descobriu em um baú alguns itens que pertenceram a Alla Nazimova. O material estava dentro de um baú. Glesca Marshall, companheira de Alla, herdou suas coisas e após a morte dela, a residência que fica na Geórgia, EUA, foi comprada pela avó de Jack, que anos após acabou descobrindo os pertences.

As roupas estavam meticulosamente colocadas em um baú. Dentre os itens encontrados uma peruca enfeitada com pérolas com a legenda “Peruca de Salomé”, usada no filme Salomé por Alla Nazimova que escreveu e dirigiu o filme em 1923. A peruca foi confeccionada por Natacha Rambova, que era casada com Rodolfo Valentino. Baseado na peça de Oscar Wilde, o filme teve cenários inspirados nas ilustrações que Aubrey Beardsley fez para o livro em 1894.

Alla Nazimova nasceu em Yalta, em 1879, estudou teatro na Moscow Arts Theatre por volta de 1890. Em 1907 estreava na Broadway, com performances modernas e inovadoras. Chamou a atenção da Metro, que a contratou em 1916 com um dos maiores salários da companhia.
Nazimova acabou quase falida, pois investia muito em suas produções independentes. Sua casa conhecida como “O Jardim de Allah” teve que ser transformada em um hotel que acabou rendendo muito, pois era local de paragem para ricos e famosos, e palcos de muitas festas conhecidas. Ginger Rogers, Frank Sinatra, Ronald Reagan, assim como a nata LGBT de Hollywood e até mafiosos frequentavam o local.

Maiores informações: http://www.allanazimova.com/
Para fazer o download do inventário completo: bit.ly/naztrunks

Comente Aqui!