Melhores Filmes de Jean Simmons

530

Jean Simmons nasceu num subúrbio de Londres em 31 de janeiro de 1929, terminando seus estudos na Orange Hill School. Durante a Segunda Guerra Mundial, sua família partiu para Somerset, retornando a Londres somente em 1943. A sorte bateria à sua porta quando, matriculada em uma escola de dança, receberia uma visita do produtor Val Guest. Ele estava à procura de uma jovem atriz para um novo filme. Impressionou-se bastante com Jean, e levou-a para fazer um teste para o filme “Give Us The Moon”, onde ela veio a estrear no cinema. Partiu para fazer pequenas participações, assinando um contrato com o J. Arthur Rank Studio.

Entre as décadas de 50 e 60, Simmons foi considerada uma das mais populares do cinema inglês, atuando também no cinema americano. Na década de 80 passou a participar de seriados e filmes para a TV britânica. Sua carreira durou 55 anos e ela recebeu duas indicações ao Oscar. Em 1994 Jean recebeu o título de Membro do British Film Institute, falecendo em 22 de janeiro de 2010. Confira nossa lista com seus melhores filmes:

Narciso Negro (Black Narcissus, 1947), de Michael Powell e Emeric Pressburger: Cinco freiras criam uma escola no Himalaia. Lá terão que fazer uma vigília constante sobre todos os seus medos, lutando contra as incertezas e desejos quando surgem pessoas novas no local.
Hamlet (1948), de Laurence Olivier: O filme é uma adaptação da peça de Shakespeare que traz a história do príncipe que deseja vingar a morte de seu pai. Jean foi indicada ao Oscar por interpretar Ophelia.
O Manto Sagrado (The Robe, 1953), de Henry Koster: no filme bíblico, Marcellus Gallio (Richard Burton) é um centurião responsável por supervisionar a crucificação de Jesus Cristo. Após ganhar o manto de Cristo, sua vida muda completamente.
Alma em Pânico (Angel Face, 1953), de Otto Preminger: Diana ama seu pai de maneira estranha, e tentará tirar todos que possam atrapalhar o relacionamento dos dois. Mitchum interpreta um motorista que será seduzido por ela. Porém, ele passa a desconfiar de suas verdadeiras intenções. Com Jean Simmons como uma típica femme fatale.
Desirée, o Amor de Napoleão (Desirée, 1954), de Henry Koster: Desiree (Simmons) foi a primeira grande paixão de Napoleão, abandonada por ele por causa de sua carreira e se tornar imperador da França. Com Marlon Brando.
Eles e Elas (Guys and Dolls, 1955) de Joseph L. Mankiewicz: A comédia musical mostra a história do jogador Sky Masterson (Marlon Brando), que é desafiado a levar a missionária do exército da salvação Sarah Brown (Simmons) para Havana. Os dois acabam se apaixonando.
Da Terra Nascem os Homens (The Big Country, 1958), de William Wyler: Após se aposentar, James McKay (Gregory Peck) parte para o Oeste para se casar com sua noiva, filha de rico fazendeiro. No entanto, sua conduta gera antipatia nos rancheiros. Em meio a incessantes disputas por território e poder, os personagens traçam seu caminho através de suor e lágrimas.
Entre Deus e o Pecado (Elmer Gantry, 1960), de Richard Brooks: Elmer (Burt Lancaster) é um caixeiro viajante que é alcoolatra. Convertido pela irmã Sharon (Jean Simmons), passa a viajar pelo país pregando para novos fiéis. Mas logo, ele reencontra um grande amor.
Spartacus (1960), de Stanley Kubrick. Spartacus (Douglas) nasceu escravo mas sonha com a liberdade. Enquanto isso trabalha para o Império Romado. Seu destino é mudado quando passa a ser treinado para se tornar um campeão. Com Laurence Olivier, Peter Ustinov, John Gavin e Jean Simmons.
Os Pássaros Feridos (The Thorn Birds, 1983), de Daryl Duke: A série televisiva conta a história do padre Ralph de Bricassart e sua grande paixão, Meggie (Rachel Ward).

Comente Aqui!