O Assassinato de um Presidente (1973)

779

Em 22 de novembro de 1963 o presidente John F. Kennedy, mesmo sendo alertado sobre um possível perigo, chegava a Dallas. Em sua passagem pela cidade seria alvejado e morto, deixando pessoas de todo o mundo chocadas e o povo americano de luto. Naquela tarde de novembro o mundo presenciava a história sendo feita. Pouco tempo depois o jovem Lee Harvey Oswald foi preso e após ele ter sido também assassinado depois de negar envolvimento na trama, começaram as teorias de conspiração sobre o que de fato havia acontecido.

Em 1973, dez anos após o assassinato, David Miller lança “Assassinato de um Presidente” (Executive Action), filme baseado parcialmente no livro “Rush to Judgement”, de Mark Lane. A película toca num assunto bastante contundente da história, dolorido para os americanos e que se hoje ainda choca a muitos, fez com que na década de 70 fosse proibido e boicotado em muitas salas de cinema, saindo de circulação e só retornando após a exibição nas telas da tv.

 

No filme, David Miller traz uma dramatização sobre como conspiradores armaram o assassinato do presidente americano John F. Kennedy. Roteirizado por Dalton Trumbo, que esteve na lista negra de Hollywood durante muito tempo ao ser acusado de “comunismo”, tocou pela primeira vez em um assunto delicado, assunto como verdadeira a teoria de que Lee Harvey Oswald não teria sido o verdadeiro assassino do presidente, e sim, um bode expiatório de uma conspiração bem delineada.
À frente da trama estavam agentes desonestes, políticos conservadores e empresários inescrupulosos que não concordavam e sentiam-se ameaçados pela visão populista do presidente democrata. Curiosamente o filme mostra a visão dos executores do crime e seu planejamento nos mínimos detalhes. O elenco encabeçado foi por Burt Lancaster (James Farrington), Robert Ryan (Robert Foster) e Will Geer (Harold Ferguson), todos os atores com uma visão inteiramente diversa dos personagens que viviam em tela, o que torna gigantescas suas interpretações, estando inteiramente convincentes nas pelas de fascistas. Juntos eles buscavam o crime perfeito, e o conseguiram quando Lee Harvey Oswald, foi assassinado em 24 de novembro de 1963, dois dias após ter sido preso.

Esse ano finalmente o filme chega em DVD ao Brasil, num lançamento da Classicline.
 Onde encontrar o dvd de Assassinato de um Presidente:

Comente Aqui!