A Mulher que Passou a Perna em Marlon Brando

19864

Marlon Brando sempre foi chegado a uma beldade morena, e um dos solteiros mais cobiçados da praça. Quando conheceu Anna Kashfi enlouqueceu com sua história de vida: hindu, sozinha no mundo, solitária e sem família. Pouco tempo depois de ficarem amigos ela ficou doente de tuberculose e Brando ficou ao seu lado. Nessa época Marlon já estava caído de amores pela bela morena, e praticamente se internou junto a ela no hospital. Lá, apaixonado como estava, e vendo como sua musa estava tremendamente frágil, pediu-a em casamento.

Após quase um ano de tratamento ela recebeu alta e logo descobriu-se que estava grávida. O casório foi marcado para 11 de outubro de 1957. Não havia mais o que esperar. Quando todos os preparativos estavam prontos, festa marcada, convidados esperando a data, noiva feliz, explodiu a bomba. Ao ver as fotos do casamento, um senhor, operário que morava no país de Galles (Inglaterra), entrou em contato com a imprensa dizendo que Anna, na verdade, era sua filha, e que de hindu não tinha nada!!

Ele afirmou que seu nome era Johanna O’Callaghan e que tinha desaparecido de casa há muitos anos. Os moradores da localidade confirmaram sua história, e disseram que ela trabalhara durante algum tempo como caixa de um açougue e como garçonete em um Café. Segundo seu pai, a moça nascera acidentalmente na Índia durante uma estadia dele à trabalho, mas logo fora trazida para a Inglaterra, completando seus estudos lá. Nem precisa dizer o quanto Marlon Brando ficou arrasado com a história.

Aos 18 anos ela abandonara o pai e partira sem dizer o destino, foi tentar a sorte como modelo. Foi daí que inventou toda a história que era hindú e que não tinha família. Após uma vergonha pública como essa, não havia muito o que Marlon Brando fazer. Depois do escândalo, nenhum estúdio quis mais contratá-la e sua carreira não decolou. Após o divórcio ela ainda conseguiu uma boa soma de dinheiro, que iria custear sua vida e a de Christian Devi, nascido em 1958, ganhando a quantia de meio milhão de dólares ANUAIS, mesmo se viesse a se casar novamente.

Anna Kashfi bate em Marlon Brando no tribunal.

No processo de separação ficou estipulado que Anna receberia meio milhão de dólares por ano até sua morte. Seu filho com Marlon, Christian, A criança se tornou vítima do ex-casal, testemunhando discussões e brigas físicas. Ele faleceu em 26 de janeiro de 2008, aos 49 anos, de pneumonia. Christian teve uma vida turbulenta, que incluiu uma prisão por ter assassinado o namorado de sua irmã mais nova, Cheyenne. Na época, ele alegou que fizera isso após sua irmã relatar que ele batia nela. Christian ficou 5 anos atrás das grades. Sua irmã cometeu suicídio em 1995.

Posteriormente Anna casou-se com James Hannaford em 1974. Na década de 1990, seu filho, foi julgado por matar o namorado de sua meia irmã por parte de pai, Cheyenne Brando. Anna, ou melhor Johanna O’Callaghan,  faleceu em 2015.

Comente Aqui!