Por onde anda Samantha Eggar?

1782

Victoria Louise Samantha Marie Elizabeth Therese Eggar nasceu na cidade de Hampstead, m 5 de março de 1939. Seus pais a colocaram em um internato católico, onde ela ficaria até se formar. E foi lá que a garota começou a pensar em se tornar atriz ou freira.

E quando ganhou uma bolsa de estudos para a Royal Academy of Dramatic Arts, ela não tinha mais dúvidas do que preferia. Porém, sua mãe não permitiu que fizesse o curso por não gostar da profissão de atriz.

Ela estava apenas adiando as coisas, pois logo que terminou os estudos, Samantha se matriculou Webber Douglas School for Drama em Londres, atuando em diversas peças. Ela também fez várias participações em séries de TV. Com isso, ganhou sua primeira grande oportunidade ao trabalhar em O Colecionador (1965), de 1965, de William Wyler.

Terence Stamp revelou anos depois que Wyler não permitia que qualquer membro da equipe fosse simpático com ela, e aconselhou a todos que a desprezassem. A atriz comia separado do grupo e passou dificuldades físicas extremas na cena da chuva. Para o veterano diretor, que na época tinha 63 anos, era perfeitamente aceitável tratar mal uma atriz para que sugasse dela sua melhor interpretação. Mas mesmo perdendo o Oscar ela garantiu o prêmio de melhor atriz na Palma de Ouro em Cannes e um Globo de ouro.

Apesar da declaração de Terence, a atriz falou mais tarde que fora “uma honra ser dirigida tão jovem por um dos maiores diretores de seu tempo, e ao contrário da reputação popular, ele ‘quase’ nunca me pediu mais do que eu podia fazer”.

Samantha Eggar e Terence Stamp em The Collector, 1965

No ano seguinte ela trabalharia ao lado de Cary Grant, que produzia seu último filme, Devagar, não corra (Walk, Don’t Run). Desta vez, o galã de 62 anos queria um papel mais coadjuvante em sua despedida das telas. Ao longo dos anos, ela trabalharia ao lado de grandes nomes como  Dirk Bogarde, Rex Harrison e Sean Connery, com quem trabalhou em Ver-te-ei no Inferno (The Molly Maguires, 1970). Tornava-se, desta maneira, um dos rostos mais conhecidos das décadas seguintes.

A atriz casou-se somente, uma vez, com o ator Tom Stern em 1964. Os dois, que se divorciariam em 1971 teriam dois filhos: Nicholas e Jenna.

Seu trabalho mais recente foi na série Metalocalypse (2012). Segundo seu site oficial, a atriz trabalhou em mais de 90 produções da tv e cinema e estará sempre aberta a novos convites.

Comente Aqui!