Melhores Filmes de Rex Harrison

858

Reginald Carey Harrison nasceu em Lancashire, Reino Unido, em 5 de março de 1908, estreando nos palcos ainda na escola, quando tinha por volta de 15 anos. A estreia no cinema foi em The Great Game (1930). A década de 30 serviu de experimento, e a partir de então começou a se firmar cada vez mais como um ator talentoso, tanto nas telas quanto nos palcos, sua grande paixão.

Rex foi casado seis vezes ao longo de sua vida. Apesar disso acumulou muitas amantes. Uma delas a atriz Carole Landis, que foi encontrada morta em 1947. O ator, que era casado no período com Lili Palmer, acabou envolvido em uma investigação sobre a morte dela, e teve a carreira na América prejudicada durante um período. O casamento com Palmer, no entanto, duraria uma década mais.

Sua carreira nas telas durou seis décadas, e terminou em 1986 com o filme Anastasia: The Mystery of Anna. Em 1990 foi diagnosticado com câncer, mas continuou trabalhando nos palcos, enquanto escrevia suas memórias. Em 2 de junho de 1990 ele faleceu, aos 82 anos, três semanas depois de se apresentar pela última vez nos palcos.

Confira a seleção com alguns de seus melhores filmes:

Uma Mulher do Outro Mundo (Blithe Spirit, 1945), de David Lean: O escritor Charles Condomine começa a ser atormentado pelo espírito de sua ex-mulher, Elvira. Sua esposa atual, no entanto não acredita em uma palavra do que ele diz. Um filme delicioso.

Anna e o Rei do Sião (Anna and the King of Siam, 1946), de John Cromwell: Anna, uma jovem professora, parte para o Sião para educar os filhos do rei. Lá ela tem que lidar com o choque de cultura mas acaba se tornando uma grande amiga do rei. Com Irene Dunne.

O Fantasma Apaixonado (The Ghost and Mrs. Muir, 1947), de Joseph L. Mankiewicz: Lucy decide sair da casa de sua sogra um ano após a morte do marido. Passa a morar com a filha em um chalé à beira-mar. O que ela não sabe, é que o chalé é assombrado pelo fantasma de Daniel Gregg, antigo proprietário do local. Um ano após a morte do marido, Lucy Muir (Gene Tierney) decide não mais viver com a sogra e a cunhada e aluga o “Chalé Encantador. Com Gene Tierney.

Odeio-te Meu Amor (Unfaithfully Yours, 1948), de Preston Sturges: Com Linda Darnell. Confira mais sobre o filme clicando em nossa matéria.

A Teia de Renda Negra (Midnight Lace, 1960), de David Miller: Kit (Doris Day) e Anthony Preston (Rex Harrison) nunca tiveram uma lua-de-mel de verdade, para finalmente sentirem que estão juntos, eles estão esperando sair de Londres. Nos dias que se sucedem a empresa de Tony anda sob muita pressão de trabalho, e Kit passa pela estranha situação de escutar seu nome ser chamado por uma voz desconhecida numa noite de neblina. O que será que está acontecendo?

Cleopatra (1963), de Joseph L. Mankiewicz: Com Elizabeth Taylor.  Confira mais sobre o filme nesta matéria.

Minha Bela Dama (My Fair Lady, 1964), de George Cukor: Com Audrey Hepburn. Confira mais sobre o filme nesta matéria.

Agonia e Êxtase (The Agony and the Ecstasy, 1965), de Carol Reed: O filme retrata a vida do pintor Michelangelo, mostrando a divergência que ocorreu entre ele e o papa Julio II, e a famosa pintura da capela Sistina.

O Fabuloso Doutor Dolittle (Doctor Dolittle, 1967): John Dolittle é um veterinário consagrado e mundialmente famoso. Seu sucesso é por um detalhe especialmente peculiar: ele tem o dom de poder conversar com os animais.

Os Delicados (Staircase, 1969), de Stanley Donen: Nesse filme, Rex e Richard Burton formam um casal que ganham a vida com um salão de cabeleireiros. A vida deles muda quando um deles é chamado a depor em um caso de assédio sexual enquanto o outro terá que cuidar da mãe que está doente.

Comente Aqui!